Ex-presidente Lula deixará a cadeia hoje para prestar depoimento à Justiça Federal

1
3640

 

O ex-presidente ficará frente a frente com a juíza Gabriela Hardt, substituta do juiz Sérgio Moro, na 13ª Vara Federal de Curitiba

 

Foto: Fábio Motta – Estadão

 

Correio Braziliense

 

Preso desde 7 de abril, na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixará, pela primeira vez, nesta quarta (14), às 14h, a cela para prestar esclarecimentos em mais um processo, que está em fase de de investigação. Desta vez, Lula ficará frente a frente com a juíza Gabriela Hardt, substituta do juiz Sérgio Moro, na 13ª Vara Federal de Curitiba.

Lula será ouvido no processo que trata de denúncias envolvendo o sítio localizado em Atibaia, em São Paulo. O Ministério Público afirma que a propriedade pertence ao ex-presidente e foi repassada a ele por empreiteiras envolvidas na Lava-Jato, em forma de propina. O local foi reformado pelas empresas Schahin, Odebrecht e OAS. O imóvel está registrado nos nomes de Fernando Bittar e de Jonas Suassuna, amigos do petista e sócios de Fábio Luís da Silva, conhecido como Lulinha, filho de Lula. O ex-presidente nega a posse do sítio e afirma ser alvo de perseguição judicial.

Militantes do PT e apoiadores de Lula planejam, pelo menos, dois protestos para hoje. O primeiro, marcado para a porta da PF, em Curitiba, será realizado por integrantes do acampamento Marisa Letícia, que foi instalado nas imediações do prédio da corporação desde a prisão do ex-presidente. A outra manifestação está planejada para a via que passa em frente à sede da Justiça Federal, na hora do depoimento.

1 comentário

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui