Alunos e professores da rede municipal de ensino se preparam para as Olimpíadas de Matemática e Língua Portuguesa

0
87

As olimpíadas avaliam os níveis de capacidade dos estudantes de escolas públicas

Foto: SECOM/Gravatá

Mais Agreste, com SECOM

Alunos e professores da rede municipal de ensino de Gravatá, no Agreste de Pernambuco, estão se preparando para enfrentar as maratonas propostas pelas Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) e Olimpíada de Língua Portuguesa. Os estudantes gravataenses do 6º ao 9º Anos serão avaliados por meio de provas objetivas e escritas, sendo premiados aqueles com melhores rendimentos.

Realizadas anualmente, as olimpíadas têm o objetivo de avaliar os níveis de capacidade dos estudantes de escolas públicas nas disciplinas de Matemática e Língua Portuguesa. As premiações da OBMEP consistem em medalhas e menções honrosas. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, em 2018, cerca de 200 alunos gravataenses foram aprovados para a segunda etapa.

Além dos estudantes, professores também podem concorrer nas Olímpiadas de Língua Portuguesa.

Sobre a OBMEP e Olimpíada de Língua Portuguesa

A OBMEP está na 19ª edição e é dividida em três níveis, estruturados de acordo com a complexidade adequada para cada etapa de ensino. No nível 1, participam alunos do 6° e 7° Anos. O nível 2 abrange o 8° e 9° Anos e o nível 3, por sua vez, é destinado aos estudantes do Ensino Médio.

Já a Olimpíada de Língua Portuguesa está na 6ª edição e consiste em um concurso de elaboração de textos, com o tema “O lugar onde vivo”. O projeto é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) e do Itaú Social, sob a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisa em Educação Cultura e Ação Comunitária (CENPEC). A iniciativa integra as ações criadas pelo Programa Escrevendo o Futuro.

Escolas municipais participantes

As escolas municipais participam da competição nos níveis 1 e 2. As provas acontecem em duas fases – a primeira acontecerá no dia 21 de maio e será composta por 20 questões objetivas, aplicadas pelos próprios professores das escolas. Já na segunda etapa, que ocorrerá no dia 28 de setembro, a prova conterá seis questões discursivas e será aplicada em um local determinado pela OBMEP.

Na ocasião, professores e alunos do 5°Ano do Ensino Fundamental ao 3° Ano do Ensino Médio poderão participar em uma das quatro categorias existentes. Cada série produzirá um gênero textual específico para a categoria. A primeira, voltada para os alunos do 5º Ano, exigirá a produção de um poema. A segunda categoria exige das turmas do 6º e 7º Ano a escrita de memórias literárias. Os estudantes do 8º e 9º produzirão crônicas. Para o Ensino Médio, é cobrado dos jovens do 1º e 2º Ano a construção de documentários, enquanto que os do 3º Ano redigem artigos de opinião.

Inscrições

As inscrições para a OBEMEP estão abertas desde o dia 5 de fevereiro e vão até o dia 15 de março. Para as Olimpíadas de Língua Portuguesa, os interessados poderão se inscrever a partir desta quarta (20), sem confirmação quanto ao prazo de encerramento. As inscrições para as duas olimpíadas são realizadas nas próprias escolas.

Premiação

A Olimpíada de Língua Portuguesa irá premiar tanto os semifinalistas, quanto os finalistas e vencedores. Os melhores professores receberão uma imersão pedagógica internacional e os alunos vencedores ganharão uma viagem cultural em território brasileiro, além de terem os textos publicados em um livro.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui