Em reunião, prefeito de Gravatá pede aumento do efetivo policial e nova delegacia na cidade

0
379

O encontro, que aconteceu no Recife, visou buscar apoio para novos investimentos na área de segurança do município


Da esquerda para a direita: agente da Guarda Municipal de Gravatá, João Amaral; prefeito Joaquim Neto; secretário de Defesa Social do Estado de Pernambuco, Antônio de Pádua Cavalcanti, secretário municipal de Defesa Social, José Pedrosa; e comandante da Guarda Municipal, Paulo Villar. (Foto: Divulgação / SECOM)

Mais Agreste, com SECOM

O prefeito de Gravatá, Joaquim Neto, participou de uma reunião, nesta segunda (15), com o secretário de Defesa Social do Estado de Pernambuco, Antônio de Pádua Cavalcanti. A pauta do encontro, que aconteceu na sede da referida pasta, em Recife, teve o objetivo de buscar apoio para novos investimentos na área de segurança, através do aumento do efetivo policial e da implantação de uma nova delegacia na cidade do Agreste pernambucano.

“Essa reunião é necessária para mostrar as dificuldades que o município vem enfrentado e, também, para estreitar a parceria entre o Estado e Gravatá, através de ações que visem o fortalecimento do combate à violência da nossa cidade,” destacou Joaquim Neto.

O secretário, por sua vez, colocou-se à disposição para analisar as solicitações feitas para ajudar o município dentro das possibilidades do estado. “Essa cobrança que o prefeito Joaquim Neto faz é muito importante para a população de Gravatá. Nossa intenção é reforçar ainda mais o trabalho já realizado no município e estudar a melhor maneira para atender às solicitações do prefeito,” esclareceu Antônio de Pádua Cavalcanti.

Durante o encontro, também foram apresentados os índices da violência em Gravatá. De acordo com a Secretaria de Defesa Social, houve uma redução de quase 20% dos crimes contra à vida no ano de 2018. O chefe do Poder Executivo Municipal destacou, na ocasião, o sucesso da parceria entre a Prefeitura e o Ministério Público, na execução do Programa Cidade Pacífica, elaborado durante a atual gestão, com o intuito de reduzir as taxas de violência no município.

“A prefeitura vem fazendo a sua parte, atuando no trabalho preventivo, através de trabalhos sociais e de ações em conjunto com o Ministério Público. Essa parceria com órgãos de segurança é de extrema importância para construir uma cidade mais tranquila,” pontuou Joaquim Neto.

A reunião contou ainda com a presença do secretário municipal de Defesa Social, José Pedrosa, do comandante da Guarda Municipal, Paulo Villar, e do agente da Guarda Municipal, João Amaral.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui