Macri pede desculpas e anuncia ajudas salariais após revés eleitoral

0
148

Dentre as medidas, Macri anunciou que haverá aumentos específicos para funcionários e redução de impostos

Correio Braziliense

O presidente argentino, Mauricio Macri, pediu desculpas pelo aborrecimento que teve após o revés eleitoral nas primárias do último domingo (12). Ele anunciou medidas salariais para aliviar as conseqüências da inflação, em uma mensagem divulgada antes da abertura dos mercados, sacudidos por uma corrida cambiária.

Macri, que buscará a reeleição em 27 de outubro, anunciou que haverá aumentos específicos para funcionários, redução de impostos para os trabalhadores e que o preço da gasolina será congelado por 90 dias.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui