Secretaria de Finanças de Gravatá vai à sede do Banco do Brasil para financiar aquisição de máquina de asfalto móvel

0
69

O veículo será utilizado na segunda etapa do Programa Gravatá Mais Asfaltada, que vai capear, recapear e sinalizar cerca de 90 ruas e avenidas do município do Agreste pernambucano

Fotos: Ricardo Labasiter/ SECOM

Mais Agreste, com SECOM

A secretária de Finanças de Gravatá, Paula Gama, foi até a sede do Banco do Brasil, em Recife, nesta terça (10), solicitar o financiamento para a aquisição de uma máquina de asfalto móvel, que será utilizada na segunda etapa do Programa Gravatá Mais Asfaltada. O pedido partiu do prefeito Joaquim Neto, que, na semana passada, assinou o contrato de financiamento de 8 milhões de reais, junto à Caixa Econômica Federal, para realizar as obras de infraestrutura no município do Agreste pernambucano.

“Com esse equipamento, o município ficará mais independente no trabalho de manutenção e instalação de pavimentação nas ruas. Nós estamos aqui, hoje, estudando a melhor forma de garantir esse recurso e oferecer um serviço ainda melhor para os gravataenses,” afirmou Paula Gama.

O gerente do Banco do Brasil destacou que é interesse da instituição em atender ao pedido do financiamento, que ainda será votado pela Câmara Municipal dos Vereadores de Gravatá. “Estamos, hoje, fazendo uma análise de crédito para verificar o quanto podemos disponibilizar para o município, um dos mais importantes do estado ”, disse Bruno Vieira.

Na primeira etapa do Programa Gravatá Mais Asfaltada, 16 ruas de Gravatá e outros 13 km da perimetral serão contemplados com serviços de capeamento, recapeamento e sinalização asfáltica. Ao final das três fases, a previsão é recuperar cerca de 80 ruas e vias.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui