CARUARU: Auxiliares e técnicos de enfermagem da Fusam cruzam os braços por falta de materiais básicos e salários desatualizados

0
96

A categoria alega que recebe R$ 774,80, menos que o salário mínimo atual, que é de R$ 1.039,00

Foto: Reprodução / TV Jornal Interior

Mais Agreste

Nesta quarta (5), auxiliares e técnicos de enfermagem da maternidade Jesus Nazareno (Fusam), localizada no município de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, paralisaram as atividades e cruzaram os braços. A medida vai ao encontro de problemas enfrentados pela categoria quanto às condições salariais e de trabalho.

De acordo com os profissionais, os salários estão desatualizados há cerca de 20 anos. Além de não estarem recebendo adicional noturno, a categoria afirma que recebe R$ 774,80, menos que o salário mínimo atual, que é de R$ 1.039,00. Por outro lado, os trabalhadores destacam que, na Fusam, faltam medicamentos, luvas, água mineral, papel higiênico, entre outros itens.

A Secretaria Estadual de Saúde ainda não se pronunciou sobre o caso.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui